29.6.16

ADVEC sai na primeira página de um dos jornais mais importantes do mundo.

O jornal Washingtonpost, um dos periódicos mais importantes do mundo, publicou uma matéria sobre a crise brasileira e a contribuição fundamental de influentes líderes evangélicos, principalmente a do pastor Silas Malafaia, para que o governo interino de Michel Temer avance e tire o país do caos econômico, social e também moral em que se encontra. Com o título In Brazil’s political crisis, a powerful new force: Evangelical Christians (Na crise política brasileira há uma nova força: os cristãos evangélicos, numa tradução livre).
Para o jornal, os 13 anos em que o PT esteve no poder foi o suficiente para que Brasil retrocedesse em todas a áreas. E em meio ao processo de impeachment de Dilma Rousseff, o presidente interino do Brasil Michel Temer precisou buscar forçar e apoio. Segundo a matéria, Temer encontrou nos cristãos evangélicos, que foram um dos grupos mais fortes que atuaram para o fastamento de Dilma, essa força.
A reportagem perguntou ao pastor Silas Malafaia, a quem consideram o principal televangelista do país e um crítico acirrado do governo petista, o motivo de sua oposição. O pastor Silas afirmou que eles queriam controlar o estado e foi enfático, “nós vimos que o comunismo estava no  DNA desse governo!”.
A influência na TV e nas redes sociais do líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC) também foi destaque na matéria. O jornal chegou a citar que o pastor Silas nunca escondeu seu apoio a Temer e chegou a gravar um vídeo desmentindo a falácia de que o presidente interino fosse um satanista, o que repercutiu e foi reproduzido em diversas mídias do país.
A equipe do Washingtonpost esteve presente em um dos cultos da ADVEC na Penha e pode registrar a pregação, os louvores e entrevistar membros da igreja. Pastor Silas não se intimidou durante sua pregação e foi taxativo em afirmar que a homossexualidade, a prostituição e o aborto são pecado.
Para a jornal, apesar da atual imagem negativa do Brasil no exterior ser, por exemplo, de um país para prostituição e só de Carnaval, os líderes evangélicos insistem em afirmar que o país é sério, tem valores morais definidos e que a política brasileira está começando a refletir isso.
Deixe o seu comentário no facebook e instagram: @advecoficial 
leia a matéria completa em inglês em: https://www.washingtonpost.com/world/the_americas/in-brazils-political-crisis-a-powerful-new-force-evangelical-christians/2016/05/26/5c8b9bdc-1c7d-11e6-82c2-a7dcb313287d_story.html
Fonte: Washingtonpost
Postar um comentário